Explicaki

Técnico em Eletrotécnica

Por 28 de setembro de 2013 (163) visualizações

Parte da engenharia elétrica, a eletrotécnica é uma área que estuda componentes elétricos e eletrônicos que formam circuitos. Por isso, o profissional denominado técnico em eletrotécnica é o responsável por trabalhar na área.

A profissão consiste basicamente em criações, instalações e operações de elementos para geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Ele participa ativamente na criação de projetos elétricos tanto em empresas que cuidam de distribuição de energia para residências, empresas, indústrias, usinas, iluminação pública, até fontes de energia alternativas.

O profissional é responsável também por coordenar e supervisionar projetos em andamento, controlando serviços de manutenção e inspeção elétrica em equipamentos, máquinas e instrumentos eletroeletrônicos, tudo com segurança e conhecimento.

A profissão

Técnico em EletrotécnicaA formação do profissional é geralmente no curso técnico de eletrotécnica ou na formação de nível superior em engenharia elétrica.

Entre as aptidões, o profissional deverá ser um bom observador, ter precisão, responsabilidade, atenção ao que faz, conhecimento em inglês e trabalhar bem em equipe. E claro, gostar de física, química e matemática.

Para que o técnico em eletrotécnica seja capacitado, deverá possuir conhecimento nas áreas correlatas também, como redes elétricas, máquinas, comandos eletrônicos, painéis e muito mais, pois as áreas de atuação desse profissional são usinas hidrelétricas, indústrias, usinas termelétricas, usinas solares, usinas eólicas e outras instalações elétricas de maneira geral, que demandam esse conhecimento específico.

Algumas das disciplinas apresentadas nos cursos são: eletromagnetismo, física aplicada, circuitos combinacionais, inglês técnico, mecânica técnica, eletrônica industrial, conservação de energia, gestão e empreendedorismo etc.

Existem ainda os cursos que dão laboratórios práticos para que os estudantes ingressem mais fácil ao mercado, como laboratórios de: máquinas elétricas, automação industrial, instalações elétricas, microcontroladores e informática, além de estágios supervisionados em empresas da área. Procure saber.

Mercado de trabalho

O mercado de trabalho está em constante expansão, afinal, é uma área que demanda muito profissional, pois toda empresa voltada para componentes elétricos e eletrônicos precisam de um profissional assim.

Alguns dos ramos de atuação que o profissional poderá seguir em sua carreira são empresas concessionárias de energia elétrica, assistência técnica, empresas de distribuição e geração de energia elétrica, empresas de telecomunicações, construção civil, empresas de manutenção de equipamentos e maquinário elétrico, indústrias, usinas, empresas de água e saneamento etc.

E entre os cargos, o técnico em eletrotécnica poderá seguir como operador de instalações elétricas, supervisor de manutenção e inspeção elétrica, inspetor técnico e até como profissional liberal.

O piso salarial inicial da profissão é de R$ 2 mil, em média.

O que faz

Além de todas as capacidades, o profissional poderá trabalhar em parceria com engenheiros elétricos, desenvolvendo e executando projetos de aterramento e de proteção a descargas elétricas, manutenções e inspeções em equipamentos, máquinas e instrumentos, supervisão de sistemas de transmissão e distribuição de energia e diagnósticos de problemas causados por energia elétrica.

Seu papel será, basicamente, cuidar de componentes elétricos para que gerem, transmitam, distribuam e armazenem energia corretamente e com segurança, seja qual for a área de atuação escolhida.

Devido ao aumento constante da necessidade na área de energia, se trata de uma profissão com muito futuro!

The following two tabs change content below.

Renata Brinati

Latest posts by Renata Brinati (see all)

Comentários (0)

Certifique-se de que seu comentário esteja de acordo com as Regras da Comunidade.